sábado, 2 de abril de 2016

Resenhando: ''Tia Guida'', autor André Fernandes, Chiado Editora

Olá, convido todos vocês a acompanharem as considerações sobre o livro ''Tia Guida'' do autor André Fernandes, uma publicação da Chiado Editora. O material foi cedido resultante a parceria da editora com o #ML e o livro foi escolhido por mim mediante a sua vívida premissa. Estou retornando com alegria às atividades do blog e prometo continuar lhes trazendo muitas coisas boas por aqui. Vamos lá!


Título: Tia Guida
Autor: André Frenandes
Publicação: 2013
Editora: Chiado
Gênero: Relato
Páginas: 186


Sinopse: "Não me lembro do dia exacto, nem da hora exacta, mas lembro-me exactamente de como me senti. Despertei. Peguei no telefone e digitei o número que pretendia. A chamada estava estabelecida. Estava prestes a receber notícias que ansiava receber há já alguns dias. Mas nem por um segundo equacionei a hipótese de serem tão negras como aquelas que recebi naquele dia. Cancro. Sim, tinha ouvido bem. Cancro."


O enredo de ''Tia Guida'' é uma viagem pelas memórias de André Fernandes. O autor traz relatos extremamente comoventes em relação a doença de sua tia Guida, um câncer. ''O nome que faz estremecer tanta gente. Desde os que tem a doença, aos que os vêem ter ou àqueles que nem tiveram, nem virão ter. O nome que todos resolvem substituir por outro mais suave como tumor ou científico carcinoma. O nome que os doentes depressa se apressam a substituir por um mais simples de enfrentar. O bicho. A criatura. O monstro.''

Mas, não se trata de um livro sobre CÂNCER. Trata-se de conceitos para aperfeiçoar as habilidades de cada indivíduo. A luta pela vida, a fé, a coragem de enfrentar os medos e encarar as dificuldades impostas pelo destino, deuses ou seja lá o quê! ''Tia Guida'', o livro, é a verdadeira face do autor durante a luta travada junto a sua tia e familiares amados. A narração em primeira pessoa é simples e de fácil entendimento. A estrutura apresentada na obra é belíssima. Uma grande lição de vida é passada através dos relatos tão bem expostos nas entrelinhas do livro. Este é mais um autor que escreve com a alma. Nota-se suas lágrimas, seus vestígios de esperança grudados nas páginas amareladas do material. Muitos questionamentos fazem o leitor parar para imaginar o inimaginável e arrancam toda a frieza do coração de pessoas duras. ''Tia Guida'' é um livro vivo, que dá vida àqueles que, de repente, são pegos de surpresa por essa doença filha da puta (ou semelhantes) chamada câncer. Ah, tia Guida, tu trouxestes através do talento de André, a faísca que acenderá a fé de muitos descrentes. 
O livro é repleto de reflexões magníficas sobre a vida.

As primeiras impressões já eram as melhores possíveis. O autor faz o descarte do uso de palavras diferentes, optando pelo contexto mais comum. É notável o seu sentimento transbordando em toda a obra durante a narração, que expressa, entre a verdade coerente existente, sua felicidade, tristeza e contestações.

''Pousei a minha mão sobre a do meu tio, como se talo fosse amparar de alguma forma, e perdi-me. Por escassos segundos, perdi-me num vazio, num silêncio fictício criado pela minha mente, que afastou o compulsivo soluçar do meu tio e me fez questionar, de repente, pela primeira de muitas vezes, se não estaria num filme.''

Sem dúvida, a luta pelo inimigo invisível, cruel e avassalador é o ponto central do enredo mas o autor sentiu-se muito à vontade para lançar elementos que fazem a diferencial, entre eles o pânico, o desespero profundo e a fé — decerto o mais importante na obra. É inquestionável o desejo de André Fernandes em querer encorajar o leitor a enfrentar a vida, ou melhor dizendo, a morte. Buscar forças mesmo quando não se sabe se estas ainda existem é uma das lições. A empreitada em prol da vida, que aqui é retratada de forma muito mais concreta do que apenas um corpo vivo a desfalecer aos poucos à espera de um milagre; a vida aqui mencionada é entendida como um conjunto de ideais e importantes componentes capazes de manter viventes nossos atos e memórias.

A capa é sugestiva. A ideia de uma obra com sentimento fica óbvia.
''Porque, quando nos anunciam a morte de alguém, convertem os nossos dias junto dessa pessoa numa despedida constante, até que nos consigamos libertar do peso do anúncio.''

Os capítulos em ''Tia Guida'' são intitulados e em muitas vezes revela algo que desperta o interesse apressurado do leitor. ''Veneno de rato'', ''Morte re(a)nunciada'' e ''A queda'' são exemplos. Nem todos são compridos; há capítulos com três, duas e até mesmo uma única página. Isso demonstra também o interesse do autor em querer CONTAR e se APROFUNDAR nas mensagens sem se prender a regras inúteis de padronização para tamanhos de capítulos. Um destes capítulos é nomeado de ''Fé'' e conceitua muito bem um dos itens mais importantes enxergados no relato da obra.

''A fé não se edifica dentro de uma redoma inquestionável. Elas nasce das maiores perguntas e, por vezes, da maior ausência de respostas que nos faz encontrar a única possível: o silêncio do Universo (...) Mas o que as pessoas não entendem é que nós nos tornamos exactamente naquilo em que acreditamos. Para cada acção com uma força e um sentido surge uma reacção de igual força e sentido oposto.''
As letras de títulos são charmosas. A leitura é agradável demais.

A escrita de André Fernandes é maravilhosa. A maneira como ele conduz um enredo tão bonito e ao mesmo tempo triste, reflexivo e sério é, sem dúvida, grandiosa. Não há muitos diálogos sucessivos mas isto não retira o brilho da história. As personagens — apresentadas em pouco número — também não são bem caracterizadas fisicamente mas, sempre mencionadas de maneira amável. O autor evidencia a importância de cada uma delas. 

''Tia Guida'' é, inegavelmente, um aprendizado para aqueles que lutam ou não contra doenças massacrantes. O relato não é forçado, os argumentos estão na medida exata e os sentimentos são lapidados constantemente. O livro está em sua 6ª edição e percebe-se do autor uma necessidade em querer disseminar o seu conteúdo. Isso é gracioso, é humano demais, surpreendentemente humano demais.

Preciso dizer que estou surpreso com os autores que Portugal apresenta. Esse ano já li cerca de 5 livros de autores portugueses e cada um deles deixou marcas muito positivas em minha linha de tempo literária. É necessário ressaltar a qualidade encontrada em cada uma dessas obras. Agora, André Fernandes também entra para o grupo, é mais um para somar junto aos talentosos autores de Portugal. A sua obra é muito reflexiva e ele tem uma maneira muito própria de pensar e se expressar.

A vontade é de descrever vários trechos do livro ''Tia Guida'', na verdade, se possível, grafar para vocês nessa pequena análise o livro completo por ser tão bem escrito. Em relação ao final, ele é exprimido de maneira bonita e mostra o mais belo sentimento dentre todos; o amor. O amor pela vida.

Este é um dos trechos mais belos encontrados em ''Tia Guida''.
''A possibilidade de nos colocarmos no lugar dos outros, de vivermos a vida da sua perspectiva e de os compreendermos, enriquece-nos.''

O livro é maravilhoso, classifico com 5 estrelas. Uma lição de superação resgatada e transmitida por André Fernandes em tempos em que muitos não usam mais a fé. É recomendável para todas as idades. A Chiado Editora está de parabéns por reconhecer este talento e apresentar um material tão bonito aos leitores.



Espero que tenham curtido estas considerações sobre ''Tia Guida''. Em breve mais observações de livros da parceria com a Chiado. Aguardem!

Entrem no site e encontrem esta e outras fascinantes obras. Não deixe de conferir e fazer as suas escolhas. O conteúdo da editora é muito amplo, há livros para todos os gostos.



Agora, fico na espera de seus comentários e repito, são de muita importância.


Forte abraço e até a próxima.


Comente com o Facebook:

11 comentários:

  1. Como de costume sua resenha está divinamente bem escrita e, elaborada de forma magistral. É imcrivelmente e impressionante a forma como você consegue expor os pontos cruciais de um livro, eu já li esse livro e eu posso dizer que é um livro que nos ensina muito é um livro fantástico.Parabéns por mais uma belíssima resenha, abraço.

    ResponderExcluir
  2. Valeu Luciano, seguidor e admirador fiel do Marcas Literárias. Sua opinião é sempre muito bem-vinda.

    Obrigado pelos elogios, fico feliz em saber que a exposição dos pontos importantes dos enredos dos livros estão realmente chegando aos leitores de forma positiva e clara.

    O livro é ótimo mesmo. Merece ser indicado.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Cancer, só quem já viveu algo assim sabe como essa doença destrça não só quem a tem, mas todos ao redor. Lendo sua resenha meu coração se apertou ao me lembrar da minha mãe e do nosso sofrimento. Parabéns pela resenha meu amigo. O livro realmente é incrivel.

    ResponderExcluir
  5. Olá queria Érica, muito obrigado por sua visita. Sei do seu sofrimento e de sua luta travada junto a sua mãe, entendo que pra ti seja muito difícil ler o livro, pois trará a tona muitas lembranças.

    Mesmo assim, obrigado por prestigiar o Blog. Agradeço o elogio. Você é sempre bem-vinda e sua opinião é importante.

    Beijos em você.

    ResponderExcluir
  6. Que livro interessante, que resenha linda, me envolvi legal na história, e penso que esse livro de fato traz muitos ensinamentos, tanto para aqueles que vem passando por dificuldades, quanto para aqueles que nunca passou por tais questões, mas como no próprio livro diz: ''A possibilidade de nos colocarmos no lugar dos outros, de vivermos a vida da sua perspectiva e de os compreendermos, enriquece-nos.''
    Parabéns pela resenha Léo! Como sempre nos apresentou de forma verdadeira,se atentando em não apresentar apenas a doença, um assunto tão sério e triste, no entanto, necessário.Mas nos encantou ao falar da busca pela superação, o amor pela vida e aprendizagem existente em um assunto tão sério.

    Sejas bem - Vindo de volta moço!

    ResponderExcluir
  7. Oi Geh, obrigado pelos elogios. É muito bom saber que estou desenvolvendo de forma bonita as análises. Seja sempre bem-vinda.

    Os temas envolvidos no livro são mesmo de suma importância.

    Ah, obrigado, a minha volta traz também novidades. Em breve, aguarde.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Léo o livro parece ser bem bonito mesmo com reflexões positivas que é o mais importante neste momento de luta. é muito sofrido mas temos que ter fé e confiar que tudo vai dar certo. Como sabe minha mãe passou por isso há 5 anos e sempre estive ao seu lado desde o anúncio do médico até quando ele disse vc está curada, mas agora vai passar por tudo de novo, não é fácil mas nós vamos conseguir tenho fé.
    Obra maravilhosa deste moço, resenha linda e comovente parabéns Léo e obrigada por falar de um assunto tão delicado que está se espalhando terrivelmente. Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  9. Oi Luciana, sei da sua história, sei o quanto é dolorido pra todos os que passam e já passaram por essa guerra contra o câncer.

    Desejo a sua mãe, a você e aos familiares, toda força precisa. É necessário também ter fé. A mensagem do livro é voltada a esse elemento fundamental. Tenhamos fé.

    Obrigado pelos elogios quanto a análise do livro. Beijos Luh.

    ResponderExcluir
  10. Olá Léo!
    Não tenho palavras para agradecer as suas.
    Muito, muito obrigado por toda a entrega humana que deu a esta leitura. Muito obrigado por partilhar o que o livro o fez sentir, com tanto cuidado, tanta alma, nesta sua plataforma, fazendo chegar a nossa mensagem de Vida a mais e mais vidas.
    Foi das mais belas reflexões escritas que já encontrei sobre o e a "Tia Guida". Vou partilhá-la nas minhas redes sociais :)
    Um grande abraço e que continue com o seu excelente trabalho!

    ResponderExcluir
  11. Nossa, meu amigo André Fernandes, eu agradeço de coração por teu sincero elogio.

    Fico imensamente feliz ao ler e saber que a reflexão sobre ''Tia Guida'' foi transmitida através de mim, de maneira coerente e verdadeira.

    Agradeço a você, por nos presentear com essa linda e maravilhosa obra. Muito talentoso você é, e muito humano também, falar sobre o assunto da maneira que você falou, foi humano e verdadeiro demais.

    Parabéns e obrigado. 😃👏

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd