segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Publicação: 31 de outubro, dia do horror, "Loui, O Palhaço Medonho & Outros Contos Sombrios"


Agora é realidade! Depois de vinte e cinco dias de dedicação, meu primeiro livro voltado à ficção horripilante está publicado. Desta vez, com a ajuda importantíssima do meu filho Matheuz Silva, um garoto com uma mente magnífica cheia de ideias grandiosas e avassaladoras. Sendo assim, NOSSA OBRA já está disponível para compras. 

Foi sensacional escrevê-la. Estamos até agora com aquele gostinho de terror impregnado na alma e na mente. Além do conto principal que intitula o livro, há também alguns outros contos que levam à obra um maior nível de interesse e despertam ainda mais a imaginação do leitor.

"Foi uma experiência muito boa escrever um livro com meu pai... já pensou? Uma história completa do Loui? Já tenho até umas ideias! "
Matheuz Silva, autor da obra

LOUI, O PALHAÇO MEDONHO & OUTROS CONTOS SOMBRIOS
Lançamento: 31 de outubro de 2015
Categoria: Ficção e contos brasileiros, horror
Editora: Clube de Autores / Agbook
Número de páginas: 158
Classificação: 12 anos

Site oficial da obra


SINOPSE:
Coletânea de contos de horror escritos por Leonardo Otaciano e seu filho Matheuz Silva. O conto principal intitula a obra e arranca terríveis sensações de medo de Nícolas, Phil, Dan, Arnold e Nestor, garotos de Leopoldina, que conhecem a perversidade de um medonho palhaço.

Confira dois trechos do conto Loui, O Palhaço Medonho:

TRECHO 1 - Phil

As luzes se acenderam na cozinha. Phil estava sem sono (...) Phil ouviu um barulho no armário ao lado da pia. Coçou a espinha que nascera a poucos dias no rosto mas ignorou o som.

Os dedos passaram rápidos no interruptor e o apertou bem levemente. Tudo se escondeu.

Mas o barulho...

Ah, o barulho!

O barulho novamente persistiu.

Que merda é isso?

Ele voltou, acendeu a luz e foi até o armário de madeira. Não teve dúvidas em abri-lo. Um rosto pintado de tinta branca com grande sorriso maldoso estava lá. Os cabelos avermelhados e bagunçados do palhaço assustaram Phil, (...)

— Olá, eu sou o Loui, me ajude a sair daqui, Phil – disse o palhaço, espremido dentro do armário. – Aqui está muito apertado, eu quero ser livre, me liberte Phil.

— Como você sabe o meu nome?

O garoto amedrontou-se mais ainda e correu para a sala, afoito, drasticamente horrorizado e naquele momento lembrou-se do palhaço tão falado por Nícolas.

TRECHO 2 - Dan

Dan estava pulsando de medo. As mãos tremiam e a porta estava trancada. Suas chaves caíram no gramado. De repente, uma mão segurou o braço do garoto. Ele gritou, gritou duas, três, quatro e cinco vezes, mas os seus pais pareciam dormir.

Não faça barulho Dan – a voz sussurrou. – Você vai acordar os vizinhos, boca de chupeta – e finalmente Dan viu o seu rosto quando o palhaço o segurou.

— Ahhhh, me solta, me solta... Quem é você? Loui gargalhou, gargalhou muito alto e depois gargalhou novamente, mas dessa vez sussurrando, bem aos ouvidos de Dan, enquanto o segurava por trás, quase o enforcando, imobilizando seus movimentos e carregando-lhe para fora do quintal. (...) 

— A sua voz é muito irritante menino, agora você vai ficar bem quietinho.

O palhaço medonho desapareceu na escuridão da noite. (...)


Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Parabéns por mais um livro publicado. Sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo livro!!! Desejo muito muito muito sucesso!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi
    Parabéns pelo lançamento desse livro, a premissa dele parece ser interessante
    e achei a capa assustadora.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Denise, caprichamos muito.
      A capa é realmente bem aterrorizante, rs.
      Obrigado pela visita.

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd